Seja bem-vindo à casa online da Gisele Mirabai.

Aqui você encontra seus livros e  filmes,

passeia por sua página

e entra em contato com a autora.


Siga também nas redes sociais:

 

 

Anúncios

8 comentários em “

  1. Meu Deus! Adorei Guerreiras de Gaia! Eu não sei se é a coisa da minha cabeça, mas eu pude ver um texto plurissignificativo, com muita intertextualidade, um dialogismo com histórias que estão presentes em nossa sociedade. Mas, como eu disse não sei se é coisa da minha cabeça, porém eu consegui enxergar até o Mito da caverna, com a história da entrada do Poeta na Floresta. O livro “O Capitão” associei a livros de ensinamentos (mesmo q em ordem contrária), tais como a Bíblia ou Alcorão q podem nos levar a fazer coisas sem questionamentos, devido a nossa crença. Sobre a Bíblia, a vi na hora em que é escrito que um padre sem vocação divulgou ao mundo sua palavra. Sem contar o diálogo com temas atuais, como a gana pelo poder dos Metazeus, tal qual em nossa sociedade. E o mais legal é perceber que embora seja um livro muito fantasia, os temAs são reais, quantos poderosos sobrecarregando trabalhadores e os iludindo sobre o que é importante (principalmente através da mídia), ainda mais sobre o q concerne a extrema valorização da tecnologia. Claro que esses podem ser apenas meus devaneios que nem passaram pela cabeça da autora, mas que o meu conhecimento de mundo associado ao seu livro, me permitiu viajar, viajar, viajar….Na minha opinião, muito mais rico e sem dúvida mais inventivo do que Harry Potter, Senhor dos Anéis, dentre outros!!! Parabéns, isso me anima muito, saber que no Brasil temos livros e escritores de qualidade!!! Meus alunos e eu adoramos e recomendamos!! Ana Paula.

    • Querida Ana Paula! Fico muito feliz com a sua leitura tão especial sobre as Guerreiras de Gaia. Não são coisas da sua cabeça, houve dialogismo em algumas partes sim, em outras, as ideias surgiram do universo simbólico, da criatividade e aí, certamente, os intertextos vieram do inconsciente 🙂 Agradeço ao seu conhecimento de mundo, que permitiu uma absorção tão aprofundada do livro! E quero saber também a opinião dos seus alunos, vocês são sempre muito bem-vindos aqui. Grande abraço! Gisele

  2. Gii, olá, prazer primeiramente. Meu nome é Lucas e eu tenho 18 anos e venho escrever essa mensagem com muita felicidade, segui seu concelho no vídeo sobre autopublicação, e sim, vou publicar meu livro. Eu já te acompanho a tempinhos e você é uma real inspiração de sucesso e talento, um impecilho que encontrei é na procura de achar alguém que possa revisar meu livro, e na procura de alguém que faça a diagramação. Me sugere alguém de talento e confiança ?!, eu ficaria muito grato. Também gostaria de perguntar se eu registro antes de mandar para a revisão?
    Se puder me ajudar eu amaria de verdade.
    Agradeço desde já pela atenção e mais e mais sucesso na sua carreira que você é 10
    Atenciosamente, Lucas

  3. Miguel Rettenmaier, da coordenação das Jornadas de Literatura de Passo Fundo. Lendo Machamba. E gostando muito.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s